09/11/2020 6 Comments

Um casal que caminhava em setembro por uma região no Leste da França descobriu uma pequena cápsula contendo uma mensagem enviada por um soldado da Prússia há mais de um século usando um pombo-correio.

A mensagem de um soldado de infantaria baseado em Ingersheim, escrita em alemão em uma caligrafia quase imperceptível, detalhou manobras militares aparentemente durante a Primeira Guerra Mundial e foi endereçada a um oficial superior, disse Dominique Jardy, curadora do Museu Linge em Orbey (França), que classificou a descoberta como “raríssima”.

A data está marcada como 16 de julho, mas o ano não está perfeitamente claro, parecendo ter sido escrito em 1916 ou 1910. A Primeira Guerra Mundial ocorreu de 1914 a 1918. A Prússia foi uma poderosa nação européia que dominou boa parte do centro do continente no século XIX.

A mensagem diz, de acordo com a agência France Presse: “Pelotão Potthof recebe fogo quando eles alcançam a fronteira oeste do campo de parada, pelotão Potthof pega fogo e recua depois de um tempo. Em Fechtwald meio pelotão foi desativado. O Pelotão Potthof recua com pesadas perdas.”

À época da mensagem, Ingersheim – agora no departamento francês de Grand Est – fazia parte da Alemanha.

Os franceses levaram a cápsula ao museu mais próximo, em Orbey, dedicado a uma das batalhas mais sangrentas da Primeira Guerra Mundial. Dominique pediu ajuda de um amigo alemão para decifrar a mensagem.

O pequeno pedaço de papel e cápsula vão se tornar parte da exposição permanente do museu.

Fonte: Jornal Extra – Edição de 09/11/2020

6 Comments

  1. David Gonçalves
    09/11/2020

    Achado que mostra a importância dos Pombos Correios nos eventos mais sangrentos, salvando inúmeras vidas com sua atuação.
    Merecendo portanto nosso absoluto respeito.

    Responder
  2. Parabéns por mais essa iniciativa de reunião.

    Responder
  3. Ni
    09/11/2020

    Isso deve ficar registrado nós anais da história, sendo um março importante do nosso hoby.

    Responder

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.